“Creuza, cadê minha panela?” – CRÔNICAS POÉTICAS #1

Corre, pega a panela, mas não esquece de gravar pra postar no facebook. Protesto de verdade é aquele serve pra esbanjar a inquietude, mas não precisa que nada mude, já estou satisfeito com o número de likes que recebi. Vamos pra rua, vamos pedir o IMPITIMAN, quer dizer, pensando bem, eu posso fazer isso daqui,…