VINGADORES, GUERRA INFINITA…CONTRA OS SPOILERS – CRÔNICAS POÉTICAS #16

avengers-9

Manhã de quinta, estreia de Vingadores – Guerra Infinita no Brasil. Meu único objetivo…me esquivar de todos os spoilers possíveis. Conhecia pouquíssimas pessoas que haviam ido para a pré-estreia e torci fervorosamente para que nenhum deles fosse algum aluno. Acordei e ordenei o dia na minha cabeça; trabalhar pela manhã, visitar a minha vó, corrigir avaliações, ir para a reunião do trabalho e de lá seguir para o cinema. Qualquer convite que desalinhasse meu planejamento seria severamente recusado. “Shon” disse Ellen Roche “tem como você passar a noite aqui comigo?” “Desculpe, Ellenzinha, mas eu tenho um encontro inadiável com os heróis mais importantes da Terra.”

Nenhum aluno sabia dos rumos do filme, nenhuma rede social acessada, ouvidos lacrados para qualquer palavra que começasse com V e terminasse com Ingadores. Me sentia o Thanos e minhas joias do infinito eram cada spoiler esquivado. Instagram, facebook, twitter, nenhum ícone recebeu um clique sequer. Stories de Whatsapp? Esse eu já acho inútil mesmo e nem olho.

Dei aula olhando para o relógio, conversei com minha vó sobre a possibilidade do Tony Stark morrer e ela respondeu algo como “coitado, mas é a luta da vida mesmo”, corrigi as avaliações e me deparei com uma aluna tentando me convencer de que, apesar dela não saber a resposta, eu deveria dar a pontuação total… “não, você não veio barganhar comigo”. A reunião pedagógica é aquilo né, poderia ser resolvida facilmente com um email. Depois de tudo, havia chegado a hora.

Não é só um filme, é o filme. “Que época boa pra ser nerd”. Diante de tanto preconceito, tanta corrupção, tanta dor, estar preocupado se um cara gigante e roxo conseguirá destruir metade do mundo é algo positivo e não alienador. Ter a capacidade de esquecer de tudo para ficar encantado com uma ficção faz muito bem ao coração. E nessa sinestesia eu entrei na sessão pronto para ter uma noite muito feliz. Consegui!

Vale a ressalva; quando cheguei na escola, na manhã seguinte, um aluno veio me perguntar: “Professor, você sabia que o vento é o ar em movimento (leia isso como um spoiler que ele me deu do filme)” “Eu assisti o filme ontem” respondi enchendo o peito “achou que ia me irritar me dando um spoiler? achou errado, OTÁRIO!!!!”

Beijos & Abraços Crônicos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s