HUMOR? – CRÔNICAS POÉTICAS #25

Talvez eu esteja renascendo uma discussão que já seja um pouco antiga, mas bem relevante. Qual o limite do humor? Não, não é isso, mas poderia ser, é que antes preciso explicar. Na noite de sábado, fui convidado para declamar no Sarau Urbano lá no Shopping Ponto Alto. Ali, pra mim, era o Rock n…

HOMÔNIMOS – CONTOS CRÔNICOS #14

Ir pra missa todo domingo pela manhã é a minha única forma de dizer a Deus que eu ainda continuo temente. Mas, infelizmente hoje, era diferente. Domingo dia dos pais, passar o sábado procurando caixão, local em cemitério e formas para amenizar uma dor que dói, não é a véspera escolhida naqueles cadernos que perguntam como…