QUAL É O SEU TEMPO? – CRÔNICAS POÉTICAS #29

Temos pouco tempo, mas talvez seja o suficiente: “Pra quem não sabe o que fazer com o tempo, qualquer prazo serve.” Não adianta comprar um relógio e não saber o valor dos minutos. Seria como um cego assistindo uma TV de um milhão de polegadas. Temos tanto tempo que dá até pra você ler essa…